sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

2ª Aula - Amassar a Massa Biscuit ou Porcelana Fria

Olá a todos,

Amassar a Massa Biscuit ou Porcelana Fria:

Em sequência do tema anterior e de como fazer a massa Biscuit, hoje deixo-vos aqui algumas indicações quanto ao modo como esta deve ser amassada. Após o cozimento, deve ser espalhado o creme nas mãos e numa superfície lisa e fria (bancada da cozinha por exemplo, bancada de de mármore ou fórmica) e amassada muito bem com as mãos como se fosse massa de pão. Na verdade, quanto mais for amassada, melhor ela ficará para trabalhar. Cuidado com o calor da massa para não queimar as mãos, ela precisa ficar macia e elástica. Para ver se a massa está no ponto certo, corte um pedaço de massa e faça um rolinho. Agora puxe dos dois lados de modo que parta no meio, se a massa esticar um pouco e se partir está pronta, mas se esticar e ela continuar sempre a esticar sem se partir, amasse mais. Assim que a massa estiver no ponto certo faça um rolo, evitando assim a formação de bolhas de ar. Para guardar, envolva a massa em película aderente de cozinha e coloque num saquinho plástico bem fechado (eu uso os de congelação com fecho), deste modo evita que resseque. Eu aconcelho que a massa deva ficar em descanso 24 horas para transpirar, depois deve ser trocada para outro saco seco e está pronta a ser tingida e modelada.

Algumas dicas sobre a massa:

. A cola deve ser a indicada para Biscuit e só apenas usadas outras colas, quando testadas com bons resultados. Numa pesquisa à internet reparei que vários artesãos já o fizeram, pelo que podem fazer uma busca e tentar encontrar alternativas para colas já testadas e que se vendam perto do local onde vivem. Podem igualmente fazer as vossas próprias experiências.

Se a massa não ficar no ponto certo faça outra para misturar. Se ficar muito seca faça outra mais mole para misturar e se ficar muito mole faça outra mais seca, isso para não jogar fora a massa.

Algumas vezes quando se faz a massa de Biscuit no fogão, ela fica cheia de grumos. Para evitar que isso aconteça, misture muito bem todos os ingredientes (com excepção do creme para mãos), dissolvendo bem a maisena, antes de levar ao fogo. Ao cozinhar, cuidado para que as sobras que muitas vezes se alojam nas bordas da panela, não se incorporem à massa, causando assim esses grumos. 


Não se pode acrescentar maisena na hora que estiver a amassar a massa. Aliás não se acrescenta nada ao amassar a massa de Biscuit, com excepção de uma colher de creme para mãos e não gorduroso. As peças quebradiças depois de secas devem-se justamente à adição de maisena crua à massa já cozida.

O creme das mãos pode ser um próprio para biscuit ou como alternativa algum outro sem gordura (utilizo o da Nivea-Soft).

Quando a massa Biscuit endurece pode fazer-se uma mais macia e juntar-se a essa massa. Pode-se também embrulhá-la num pano e colocá-la para receber vapor de uma panela com água, e assim ela voltará ao normal. Amasse novamente, enrole na película aderente de cozinha e guarde no saco de plástico devidamente fechado.

Quando estamos a trabalhar com a massa de Biscuit e para que esta não resseque, devemos mantê-la sempre embalada em película aderente. Apenas devemos tirar da embalagem a quantidade de massa a ser utilizada. Quando o trabalho necessita de grande quantidade de massa já esticada, devemos mantê-la sempre coberta. Eu uso um "truque" que é manter os pedaços de massa que estou a trabalhar sempre debaixo de copos de vidro, de preferência com bocal largo para caberem maiores quantidades. Na verdade qualquer superfície que estanque bem o ar serve pois evita que a massa resseque.

Por vezes quanto estamos a trabalhar e levamos mais tempo com a peça na mão exposta ao ar, começam a surgir pequenas rachaduras. Isso acontece porque o ar vai desidratando a massa. Para voltar a hidrata-la, passamos suavemente sobre a rachadura, um pincel envolvido com um pouco de água. Amaciamos até cobrir a rachadura.
 
Pequenas bolhas de ar podem também surgir e para serem eliminadas devem ser picadas com um alfinete, calcando ao de leve para retirar o ar e voltando a amaciar o local. 

A secagem da peça deve ser feita deixando-a em local seco e arejado, sobre uma superfície como cartão, um tecido ou uma espuma para ir ajudando a absorver a humidade (uso um pedaço de EVA). Note que a peça encolhe cerca de 30% em suas dimensões por conta da evaporação da água, comum no processo de secagem.


Por agora, são algumas das muitas dúvidas que podem surgir e que ficam desde já com algumas dicas. Caso surjam outras diferentes não hesitem em contactar-me que eu farei o possível para tentar esclarecê-las. No proximo tema falerei de "Como colorir a massa Biscuit".... até breve,

Astride


Sem comentários:

Enviar um comentário